Artigos

A miosite é uma inflamação nos músculos que tem como resultado o enfraquecimento muscular. Essa fraqueza pode ser extremamente intensa, tornando difíceis pequenas atividades do dia a dia, como erguer os braços, caminhar e se levantar.

A miosite pode acometer o corpo todo: braços, pernas, ombros e, inclusive, a região do quadril. Outros sintomas, além da fraqueza, são a dor/desconforto e dificuldade para engolir alimentos. Existe outro sintoma que está ligado ao tipo de miosite que afeta não só os músculos, mas também a pele, a dermatomiosite. Este sintoma causa vermelhidão e elevação da pele, e aparece com frequência no rosto, nas mãos, no colo e no tronco. Quando a miosite não afeta a derme, é chamada de polimiosite.

Existem diferentes causas para a miosite: idiopática (que atinge os mais jovens), por infecção bacteriana, por vírus, por fatores genéticos, entre outras. O diagnóstico é dado a partir de uma série de exames (de sangue, de imagem, clínico, biópsia muscular), além da análise do histórico de sintomas.

Não há um tratamento único para a miosite, já que a doença pode ter causas diferentes. Os casos costumam ser tratados com medicamentos – que agem na condição que desencadeou a doença e também nos sintomas da miosite. Os pacientes também podem receber o encaminhamento para fisioterapia e/ou outras atividades físicas para buscar o fortalecimento dos músculos.

A miosite é uma doença que necessita de acompanhamento constante para adequações de tratamento de acordo com a manifestação dos sintomas e resultados de tratamentos das causas associadas.

Possui dúvidas sobre o assunto? Entre em contato ou agende sua consulta!